quinta-feira, 05 de outubro, 2017

Petróleo fecha em baixa, após DoE mostrar aumento na produção dos EUA

Os contratos futuros de petróleo fecharam em baixa nesta quarta-feira, 4, após o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) dos Estados Unidos informar um novo aumento na produção da commodity na semana passada. Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o WTI para novembro fechou em queda de 0,87%, a US$ 49,98 por barril. Já na Intercontinental Exchange (ICE), o barril do petróleo Brent para dezembro recuou 0,36%, a US$ 55,80. Foi a primeira vez que o WTI ficou abaixo dos US$ 50 por barril desde 19 de setembro. Pela terceira sessão consecutiva, os preços do petróleo recuaram, com os investidores digerindo dados mistos do relatório semanal de estoques do DoE. Os estoques de petróleo caíram 6,023 milhões de barris na semana encerrada em 29 de setembro e chegaram a sustentar, momentaneamente, a alta dos barris. No entanto, o avanço da produção no maior nível desde julho de 2015, para 9,561 milhões de barris por dia, fez com que os preços se sustentassem no negativo. De acordo com o consultor Kyle Cooper, do Ion Energy Group, os dados desta quarta-feira foram, em grande parte, otimistas, mas talvez insuficientes para atrair novos compradores, já que os investidores especulativos já fizeram grandes apostas sobre aumento nos preços do petróleo. “Parece que não havia coisas boas o suficiente para levar mais compradores ao mercado”, afirmou Cooper, observando que a produção dos EUA aumentou e a demanda por petróleo americano diminuiu.
ISTOÉ – 04/10/2017
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP