quinta-feira, 30 de novembro, 2017

MAÇÃ/CEPEA: Safra europeia pode ser 18% menor

Piracicaba, 27 – A produção de maçãs na temporada 2017/18 da União Europeia é estimada em 9,2 milhões de toneladas, conforme relatório do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos). O volume é 18% menor em relação à safra anterior, sendo a produção mais baixa desde 2007. Com exceção de Portugal, todos os outros países revelaram produção abaixo da média dos últimos cinco anos. Além disso, a área destinada ao cultivo de maçãs também vem recuando, principalmente em função de os maleicultores poloneses reduzirem a utilização de pomares mais antigos, após um longo período de preços baixos – com forte influência do embargo russo. Dessa forma, a redução de área não deve impactar na capacidade de produção total, já que as áreas mais velhas têm menor produtividade. Somado a isso, produtores da Holanda trocaram a produção de maçãs pela de peras, considerada mais lucrativa. PRODUÇÃO – As altas temperaturas, em março, anteciparam a florada em duas semanas. Já em abril, os pomares foram atingidos por geadas severas. A produção foi ainda mais afetada no Sul e Leste da Europa, com períodos quentes no mês de julho. As intempéries não só reduziram a produção, como também deixaram marcas nas frutas, desvalorizando-as. Entretanto, não afetaram a qualidade interna das maçãs, o que as tornou adequadas para processamento. Apesar disso, espera-se uma redução de 11% no volume de maçãs processadas – o menor nível desde 2011/12.
HF BRasil - 27/11/2017
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP