segunda-feira, 27 de março, 2017

Preços do petróleo operam com forte queda pressionados por extração nos EUA

Os contratos futuros dos barris de petróleo negociados em Londres e Nova York operam forte queda nesta segunda-feira (27), próximos dos níveis mais baixos desde o fim de novembro, já que a produção de xisto nos EUA continua a alimentar receios sobre um excesso global de oferta. O mercado teme que o aumento da produção americana possa afetar os esforços da Organização dos Países Exportadores de Petróleo em reduzir a oferta da commodity. Na sexta-feira, dados divulgados pela Baker Hughes, empresa fornecedora de serviços a campos petrolíferos, mostraram que o número de sondas de extração de petróleo ativas nos EUA aumentou em aumentou em 21, o décimo aumento semanal seguido. Às 9h47 (de Brasília), o petróleo WTI para maio, contrato mais líquido, caía 0,96%, a US$ 47,51 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex). No mesmo horário, o Brent para junho registrava baixa de 0,73%, a US$ 50,55 o barril, na ICE.
UDOP - 27/03/2017
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP