sexta-feira, 05 de maio, 2017

Petróleo opera volátil, em meio a preocupações com a oferta global

Os futuros de petróleo mostram volatilidade na manhã desta sexta-feira (5), em meio a preocupações com a situação da oferta global. Na sessão de ontem, a commodity sofreu um tombo de quase 5%. Às 8h31min (de Brasília), o petróleo tipo Brent para julho tinha leve alta de 0,10% na IntercontinentalExchange (ICE), a US$ 48,43 por barril, enquanto o WTI para junho recuava 0,20% na New York Mercantile Exchange (NYSE), a US$ 45,43 por barril. Nos menores níveis desde o fim de novembro, o petróleo vem sendo pressionado por uma crescente avaliação de que esforços da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e da Rússia para cortar sua produção ao longo do primeiro semestre não serão suficientes para equilibrar a oferta mundial, uma vez que os EUA vêm ampliando sua produção significativamente. Na quarta-feira, pesquisa do Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) norte-americano mostrou que os estoques de petróleo bruto dos EUA caíram menos que o esperado na semana passada e apontou um novo avanço na produção do país. Diante da iniciativa da Opep e da Rússia, analistas previam que produtores de óleo de xisto dos EUA ampliariam a produção, mas o avanço tem superado as expectativas. Na última semana, a produção americana atingiu 9,3 milhões de barris por dia, o maior nível desde agosto de 2015. No próximo dia 25, a Opep vai discutir a possível extensão de seus esforços de corte na produção. Desde janeiro, Opep, Rússia e outros países vêm tentando reduzir sua oferta diária em cerca de 1,8 milhão de barris.
Jornal do Comércio - 05/05/2017
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP