quarta-feira, 26 de julho, 2017

Preços da arroba continuam estáveis, mas em GO frigoríficos já se mostram mais interessados nas compras

Ronam Azzi Filho, pecuarista de Itapuranga (GO), conta que houve um aumento significativo de procura de fêmeas no estado, além de um aumento da procura dos frigoríficos pelo boi gordo, o que significa uma melhora para os produtores que seguem penalizados. O preço da carne nos açougues não diminuiu e as exportações tiveram retomada, até mesmo com um pequeno crescimento. Assim, o pecuarista acredita que os frigoríficos estavam oferecendo preços baixos descolados da realidade. Ele diz que houve um significativo abate de fêmeas. Entretanto, a pecuária tem um sentido de retomada agora para a frente, o que dá a entender que as fêmeas devem ser seguradas para produção de terneiros e, futuramente, animais terminados daqui para a frente. Para ele, os produtores estão atentos e estão se preparando para a recuperação. A região enfrentou temperaturas baixas e, com isso, a qualidade das pastagens vem caindo bastante. Os animais que estavam em terminação a pasto já foram vendidos e estão com negociação programada. Agora, os produtores se preparam para a entrada do boi em confinamento. Contudo, pelos patamares da arroba, não houve incentivo aos produtores de fechar seus animais em confinamento. Haverá, portanto, uma oferta menor de boi no primeiro giro, o que poderá trazer um aumento para os preços praticados. Sem conseguir alongar as escalas, os frigoríficos vão aumentando os preços para estimular a venda daqueles poucos animais que ainda existem no mercado. A previsão para o boi em outubro já passa dos R$133,88/@, ou seja, há uma perspectiva de melhora indicada no mercado futuro. Nos piores momentos, a BM&F chegou a trabalhar abaixo dos R$120/@. Existem vários frigoríficos no Brasil inteiro que serão reabertos para atender à demanda do produtor, uma vez que, com a situação da JBS, muitos possuíam excesso de oferta por parte do produtor. Na região de Itapuranga, o preço do boi gordo está por volta dos R$118/@ a R$120/@, já descontando o Funrural. Para a vaca, em torno de R$111/@ a R$112/@.
Notícias Agrícolas - 25/07/2017
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2017 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP