quinta-feira, 17 de agosto, 2017

Após rali de ontem, cobre recua com realização de lucros

Os futuros de cobre operam em baixa em Londres e Nova York nesta manhã, à medida que operadores realizam lucros após o rali de ontem, que foi alimentado por “fortes compras especulativas”, segundo analistas. Por volta das 7h20 (de Brasília), o cobre para três meses negociado na London Metal Exchange (LME) recuava 0,37%, a US$ 6.503,00 por tonelada. Na Comex, a divisão de metais da bolsa mercantil de Nova York (Nymex), o cobre para entrega em setembro tinha queda de 0,17%, a US$ 2,9485, às 7h52 (de Brasília). Ontem, o cobre saltou mais de 2% em reação a sinais de cortes na capacidade de refino na China, o maior consumidor mundial de metais básicos. Entre outros metais na LME, as cotações tomaram direções opostas: o zinco caía 0,71% no horário indicado acima, a US$ 3.098,00 por tonelada, após atingir ontem os maiores níveis em uma década; o alumínio caía 0,62%, a US$ 2.078,00 por tonelada; o estanho avançava 0,75%, a US$ 20.225,00 por tonelada; o níquel tinha alta de 0,42%, a US$ 10.760,00 por tonelada; e o chumbo recuava 0,66%, a US$ 2.496,50 por tonelada.
Isto É -17/08/2017
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP