quarta-feira, 09 de agosto, 2017

Café: Cotações do arábica realizam ajustes nesta manhã de 4ª feira e caem mais de 100 pts em NY

As cotações futuras do café arábica na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) operam com queda próxima de 150 pontos nesta manhã de quarta-feira (9) e perdem parte dos ganhos registrados na véspera. O mercado passa por um processo de ajustes depois de testar máximas de quatro meses e meio ainda diante dos temores com desabastecimento e com a qualidade da safra 2017/18, que está em plena colheita. Por volta das 09h24 (horário de Brasília), o contrato setembro/17, referência de mercado, estava cotado a 141,25 cents/lb com queda de 150 pontos, o dezembro/17 caía 145 pontos, a 144,85 cents/lb. Já o contrato março/18 operava com recuo de 145 pontos e estava sendo negociado a 148,35 cents/lb e o maio/18 perdia 115 pontos e estava cotado a 150,90 cents/lb. O mercado do arábica no terminal externo tem acompanhado nos últimos dias as informações sobre a safra 2017/18, inclusive com relatos de broca em regiões produtoras do país, e temores em relação ao abastecimento. Essa temporada já é de bienalidade negativa, ou seja, terá colheita menor. A Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) aponta a produção brasileira neste ano em 45,56 milhões de sacas de arábica e robusta. No Brasil, por volta das 09h10, o tipo 6 duro era negociado a R$ 4858,00 a saca de 60 kg em Espírito Santo do Pinhal (SP) – estável, em Guaxupé (MG) os preços também seguiam estáveis a R$ 482,00 a saca e em Poços de Caldas (MG) estavam sendo cotados a R$ 475,00 a saca. Os negócios seguem isolados nas principais praças de comercialização do Brasil.
Notícias Agrícolas - 09/08/2017
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP