quarta-feira, 21 de fevereiro, 2018

Etanol de milho já representa 60% do biocombustível vendido nos postos

Janeiro consolidou uma tendência irreversível no mercado de combustíveis no Brasil. Na segunda quinzena do mês passado, o etanol de milho supriu 60% do volume comercializado no Centro-Sul, principal região produtora do biocombustível no País. Assim, em plena entressafra da cana, período em que as usinas interrompem a produção, o elevado volume de etanol feito com milho que chegou ao mercado evitou o pico inflacionário previsto no final de 2017 devido à queda acentuada nas reservas brasileiras do álcool de cana. Na safra atual, que começou em abril de 2017, a oferta de etanol de milho cresceu 130%, segundo projeções da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica). Em números absolutos, isso totalizou 391,85 milhões de litros. Ainda assim, as quatro décadas de expertise brasileira na produção do etanol de cana garantem uma liderança tranquila para o álcool convencional, que reponde por 98,5% de todo o combustível produzido no País.
Notícias Agrícolas - 21/08/2018
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP