quinta-feira, 05 de abril, 2018

Brasil eleva preço mínimo do café arábica; reduz o do trigo

SÃO PAULO (Reuters) - O Ministério da Agricultura do Brasil elevou o preço mínimo do café arábica em 2,46 por cento para a safra 2018/19 na comparação com a temporada anterior, de acordo com publicação no Diário Oficial desta quarta-feira. O preço mínimo do governo geralmente serve de referência para programas de subvenção aos produtores rurais. “Esses preços de garantia visam sustentar a receita do produtor. Por isso, foram calculados com base nos custos variáveis de produção de maneira a dar suporte às despesas do produtor em suas atividades”, afirmou o diretor substituto do Café e Agroenergia da Secretaria de Política Agrícola, Sílvio Farnese, em nota. O preço mínimo da saca de 60 kg de café arábica, tipo 6, passou de 333,03 reais para 341,21 reais. Já o preço mínimo do café conilon, tipo 7, foi reduzido em 9,57 por cento, para 202,19 reais a saca. Esses preços terão vigência de abril de 2018 até março de 2019. O governo também anunciou que a caixa de 40,8 kg de laranja teve o preço mínimo elevado para todo o Brasil em 7,49 por cento, 13,20 reais. O período vai de julho de 2018 a junho de 2019. O preço mínimo do trigo em grão, para a região Sul, tipo pão, passou de 37,26 para 36,17 reais a saca. Os valores vão vigorar de julho deste ano a junho de 2019, segundo o ministério.
Reuters - 05/04/2018
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP