quinta-feira, 28 de junho, 2018

Milho: Mercado aguarda números do USDA e inicia pregão desta 5ª feira com leves quedas na Bolsa de Chicago

Depois dos modestos ganhos registrados recentemente, os futuros do milho voltaram a operar do lado negativo da tabela na Bolsa de Chicago (CBOT) na manhã desta quinta-feira (28). Às 8h24 (horário de Brasília), os principais vencimentos da commodity testavam ligeiras quedas, entre 0,50 e 1,00 pontos, e trabalhavam bem próximos da estabilidade. O contrato julho/18 era cotado a US$ 3,51 por bushel, enquanto o setembro/18 trabalhava a US$ 3,61 por bushel. O dezembro/18 operava a US$ 3,72 por bushel e o março/19 a US$ 3,81 por bushel. Segundo informações das agências internacionais, os participantes do mercado ainda ajustam posições antes dos relatórios do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos), que será reportado nesta sexta-feira. O órgão irá trazer informações sobre a área plantada nos EUA com o cereal e as projeções dos estoques trimestrais. A expectativa dos traders é que a área semeada com o milho fique próxima de 35,84 milhões de hectares, ligeiramente acima do último reporte, de 35,72 milhões de hectares. Ainda hoje, o USDA divulga seu boletim semanal de vendas para exportação, que pode influenciar o andamento dos negócios. Outro fator que segue no radar dos investidores é o desenvolvimento da safra norte-americana e as crescentes tensões comerciais entre China e EUA. Até o início da semana, cerca de 77% das lavouras apresentavam boas ou excelentes condições.
Notícias Agrícolas - 28/06/2018
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP