segunda-feira, 02 de julho, 2018

Queda no preço do farelo de algodão em junho

O preço do farelo de algodão caiu em junho, com as cotações do farelo de soja mais estáveis e o início da colheita do algodão no país. Além da pressão da colheita, o mercado de grãos e insumos está travado com as indefinições do tabelamento do frete rodoviário. Segundo levantamento da Scot Consultoria, em São Paulo, o farelo de algodão com 28% de proteína bruta, está cotado, em média, em R$760,43 por tonelada, sem o frete. Houve queda de 1,5% nas cotações em junho, em relação a maio deste ano, mas ainda assim o insumo está custando 3,7% a mais que em igual período do ano passado. Em curto e médio prazos, a expectativa é de preços mais frouxos, conforme avança a colheita do algodão no país e aumentam os esmagamentos. Os mercados de soja e farelo de soja mais calmos também deverão diminuir a pressão sobre as cotações dos alimentos alternativos. De qualquer forma, continua a atenção com relação ao câmbio e a situação das lavouras e andamento da colheita do algodão no Brasil (2017/2018), assim como o monitoramento das lavouras nos Estados Unidos (2018/2019).
Notícias Agrícolas - 02/07/2018
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP