quarta-feira, 15 de agosto, 2018

Argentina suspende por 6 meses cortes em taxas de exportação de farelo e óleo de soja

BUENOS AIRES (Reuters) - A Argentina suspendeu seu programa de corte gradual dos impostos sobre a exportação de farelo e óleo de soja por seis meses, disse o ministério do Tesouro em comunicado divulgado nesta terça-feira, em uma medida que faz parte do programa de arrocho fiscal do governo. As exportações de ambos os produtos são tributadas atualmente em 23 por cento, tendo sido gradualmente reduzidas de 32 por cento em 2015, segundo o comunicado. Até o final de 2019, os impostos de exportação de farelo e soja estarão em 18 por cento, em comparação com os 15 por cento planejados antes da suspensão. Cortar os impostos de exportação agrícola tem sido uma alta prioridade para o presidente Mauricio Macri, eleito no final de 2015 em uma plataforma de livre mercado. A economia vem encolhendo e o peso perdeu terreno em relação ao dólar, forçando o país a buscar um acordo de financiamento de 50 bilhões de dólares com o Fundo Monetário Internacional. A redução do déficit é uma parte fundamental do acordo com o FMI.
Reuters - 14/08/2018
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2018 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP