quarta-feira, 20 de fevereiro, 2019

Chuvas em centros distribuidores fazem aumentar preço do feijão, afirma especialista

Com o preço do feijão a quase R$ 10, a feira do campinense ficou um pouco mais ‘salgada’. Porém, segundo o presidente do Conselho do Desenvolvimento Rural Sustentável, Rubens Isidro, o fenômeno está ocorrendo em todo o país. Em entrevista à Rádio Campina FM, ele disse que o preço da saca do feijão aumentou em mais de 100%, chegando ao valor de R$ 400. – A questão do aumento dessa disparada do preço do feijão de janeiro para cá, é um fenômeno nacional e a justificativa para isso é quebra das safras verificada no final do ano passado e início desse, em decorrência das fortes chuvas nos centros distribuidores, como São Paulo, Minas Gerais, e Goiás. Nestes locais a saca chegou a R$ 400, antes esta chegava a R$ 280 ou até menos – disse. Rubens salientou que esse preço se refere ao feijão carioquinha, o mais consumido pelas famílias brasileiras. Ressaltou ainda que para tentar economizar a população pode buscar outras alternativas e variações do produto.
Paraíba on line - 13/02/2019
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2019 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP