sexta-feira, 26 de abril, 2019

Santos Brasil tem demanda superior a 2 vezes para R$ 300 mi de debêntures

A Santos Brasil, que atua na área de operação de containers e logística portuária, atraiu demanda de 2,8 vezes, o equivalente a R$ 830 milhões, para sua emissão de debêntures, a primeira em quatro anos. A companhia, entretanto, captou somente o originalmente pretendido, de R$ 300 milhões. A disputa para ficar com os papéis de vencimento em cinco anos reduziu o prêmio de 1,35% para apenas 0,7% e pelos papéis de sete anos, de 1,65% para 1%. Os custos do mercado se mostraram mais eficientes do que as linhas disponíveis no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social(BNDES), de acordo os executivos da empresa. Maior. Os recursos são parte dos investimentos previstos para os próximos 10 anos de modernização do cais Tecon Santos, o maior do País, envolvendo um total de R$ 1,3 bilhão. Com esse investimento, a Santos Brasil antecipou a renovação da concessão que venceria em 2022, o que significa que a empresa estará operando o terminal por mais 25 anos até 2047. Os R$ 300 milhões estão direcionados à ampliação do cais porto de modo a acomodar três navios de quase 400 metros cada. Repeteco. Mesmo com a captação, a alavancagem segue bastante baixa, numa relação de 0,4 vezes o Ebitda. Por isso, além da vantagem do custo, o mercado de capitais deve seguir sendo considerado como opção para eventuais captações. A Santos Brasil responde por 35% das operações de containers do Porto de Santos e 16% da movimentação de importação e exportação por essa via do País.
O Estado de S. Paulo - 26/04/2019
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2019 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP